terça-feira, 2 de agosto de 2011

Assentamento Terra da Esperança receberá apoio técnico

Aproveitar o potencial do lugar dando ênfase à preservação ambiental. Com essa proposta, a Universidade Federal Rural do Semi-Árido, em parceria com a Incubadora do Agronegócio de Mossoró (IAGRAM), a Emparn, a Prefeitura de Dix-Sept Rosado e a Associação dos Produtores do Assentamento Terra da Esperança, estará elaborando projeto de extensão universitária voltado para a sustentabilidade do assentamento, localizado em Dix-Sept Rosado. A iniciativa partiu da Prefeitura ao buscar apoio da UFERSA para o projeto.


Na primeira reunião, realizada nesta terça-feira, 2, na sede da IAGRAM, os representantes dos órgãos envolvidos no projeto, ouviram a explanação do secretário de Agricultura de Dix-Sept Rosado, Sanimarcos Firmino, sobre as condições estruturais do assentamento, que ocupa uma área de 6.297 hectares.



No total, são 113 famílias distribuídas em 30 lotes com cada uma ocupando 30 hectares. O assentamento Terra da Esperança possui ainda 4.740 hectares de área coletiva e uma reserva ambiental de mata nativa com 1.557 hectares. “Buscamos o apoio da UFERSA para o desenvolvimento de projetos e pesquisas voltados para agricultura familiar, apicultura, caprinocultura e o manejo florestal sustentável”, explica o secretário de agricultura de Dix-Sept Rosado.


O diferencial do assentamento é uma plantação com mais de mil cajaraneiras com uma produção de cerca de 200 toneladas da fruta. Os assentados também produzem mel e mantém uma criação de caprinos com mais de três mil animais.

Para traçar um plano de ação a ser viabilizado no assentamento, os integrantes da reunião agendaram para o próximo dia 13 de agosto, uma visita técnica ao assentamento Terra da Esperança. A Comissão é formada pelos professores da UFERSA Ludimilla Carvalho e João Liberalino; o estudante da pós-graduação, Raniere Lima; Giorgio Ribeiro, gerente da IAGRAM; Jorge Ferreira, técnico da Emparn; Sanimarcos Firmino, Secretário de Agricultura de Dix-Sept Rosado e Gilberto Martins, técnico da UFERSA.

Um comentário:

Walter F Leite disse...

É assim que se constroi felicidade, usando as ferramentas disponível, principalmente, as parcerias como essa da UFERSA e sua Incubadora IAGRAM que juntas com EMPARN e outros parceiros, iniciam a construção da Felicidade das mais de 113 famílias do Assentamento Esperança, lá na cidade de Gov. Dix-Sept-Rosado. Parabéns aos Professores e Alunos que vão ajudar na descoberta de atividades naquela comunidade. Sucesso a todos.